terça-feira, 29 de maio de 2012

Show de Thalles Roberto em São Luís


Evento: Mega Caravana da 92 | Domingo | Hora: 20:30 | Ingressos a venda: Livraria Ruach da Cohama e Rio Anil Shopping e Lojas Ouzadia Fashion do Centro, Tropical e Shopping da ilha | Informações (98)9115 8879 | Realização: I.d.e.i.a Comunicações | Promoção exclusiva: Rádio 92 FM

    Twitter
Nascido em Passos, cidade do interior de Minas Gerais, Thalles Roberto da Silva é o caçula de quatro irmãos. Filho de Job Roberto da Silva e Zilta Rosa Silva, o menino nasceu em um lar cristão, cercado por musicalidade. O pai, regente do coral da igreja que freqüentavam, sempre incentivou o filho, que, aos cinco anos, dado o talento, transformou-se no solista do coral.

Na adolescência, Thalles montou uma banda e tocava não só em sua igreja, mas em outras denominações também. Assim, conheceu os grandes nomes ‘musicais' de Belo Horizonte, como Nívea Soares, André, Ana Paula e Mariana Valadão, dentre outros.


Dono de um talento incomum, e muito conhecido na capital mineira, Thalles foi procurado por profissionais da música secular, que viam nele um diferencial para alguns trabalhos. Querendo ‘aprimorar' seus conhecimentos, ele partiu para o mercado e passou a integrar o time do Jota Quest, banda pop secular, por cinco anos. O ‘aprimoramento', porém, teve lá seu preço: Thalles se desligou da Igreja, abandonou seu trabalho como ministro de louvor e se desviou totalmente do Caminho.
Sete anos depois de sua decisão pelo secular, Thalles resolveu que era hora de voltar para a casa do Pai. De braços abertos, ele foi recebido na Igreja Batista da Lagoinha, pelo pastor Márcio Valadão, que lhe deu uma palavra muito particular. Apesar de decidido a sair da banda onde estava, Thalles ainda não havia tomado uma iniciativa. "Continuei cantando por um período, até que o Senhor me deu um ‘ultimato'. Após um show em Brasília, avisei ao produtor que não ficaria mais. Ninguém entendeu minha atitude, mas, com certeza, fiz a melhor opção da minha vida", relata.
Tempos depois, Thalles voltou a compor e gravou, em Belo Horizonte, seu primeiro CD e DVD. "Deus permitiu que esse trabalho fosse feito num dos melhores estúdios de Belo Horizonte, que um dia eu mesmo toquei, mas para o secular. Trabalho pronto, o meu produtor, Alex Passos, que também fez o DVD do André (Valadão), apresentou o projeto à direção da Graça Music. Começaram as conversas e, hoje, faço parte dessa família", diz, sorrindo.
A Graça Music passou, então, a distribuir o CD e o DVD Na Sala do Pai, que logo atingiram marcas impressionantes. O CD já ultrapassou a marca de 100mil cópias vendidas, rendendo ao cantor discos de Ouro e de Platina. O DVD bateu a casa das 25 mil cópias, sendo mais um Disco de Ouro. O CD Raízes, uma coletânea de clássicos do gospel, ultrapassou a marca de 40mil cópias vendidas, dando ao cantor mais um Disco de Ouro.
Recentemente, no Chevrolet Hall, em Belo Horizonte, Thalles gravou, pela Graça Music, mais um projeto, sendo o primeiro ao vivo: CD e DVD Uma história escrita pelo dedo de Deus. Mais de 5600 pessoas compareceram ao evento, que contou com uma superprodução de som, áudio, luz e estrutura.
"Esse é o trabalho dos sonhos", disse Thalles. Um sonho que se transformou em realidade com vários toques de ousadia, como um dirigível, que sobrevoava o público, gravando imagens exclusivas. 'Culpa' do diretor de vídeo, Alex Passos.
Ao todo, 22 canções foram gravadas, entre inéditas e regravações, além de duas participações especiais: a de André Valadão, na canção "Deus me ama", e de Gabriela Rocha, na faixa "Nada além de Ti".
O CD Uma história escrita pelo dedo de Deus será lançado em dois formatos. O primeiro, inédito, conterá dois discos na mesma embalagem digipack, feita na Espanha, especialmente para esse projeto. O segundo, também em digipack, terá os CDs em embalagens diferentes.

Fonte: Site oficial de Thalles Roberto
Postar um comentário

vídeos gospel de Pres. Médici-MA

Loading...