segunda-feira, 26 de maio de 2014

O sonho de ser livre para adorar a Deus



O sonho de ser livre para adorar a Deus
Jorge* conta de uma visita que fez à Eritreia, na qual conseguiu marcar uma reunião especial. Ele foi calorosamente recebido, apesar da barreira da língua, por um intérprete e pelo irmão Paulo*, que compartilhou seu testemunho. 
"Fui levado a uma prisão militar na qual me obrigaram realizar tarefas desgastantes sob uma temperatura muito alta – passava dos 40 graus. Nestas condições, trabalhei diariamente. Sem descanso. Sem direito a julgamento. Colocaram-me numa cela subterrânea, completamente escura. Por mais de seis meses, fiquei na escuridão. Quando saí de lá, mal podia andar, e estava quase cego! Mas agradeço a Deus porque meus olhos voltaram ao normal aos poucos". 
A polícia lhe pediu para assinar um papel, negando sua fé. "O documento, entre outras coisas, dizia: ‘De agora em diante, não vou pregar, não vou me reunir com outros cristãos. Não vou falar de Jesus’. Afirmava também que, a partir daquele momento, eu era um marxista". 
Ao final da entrevista Jorge e Paulo oraram juntos. Quando Jorge estava de saída, Paulo lhe
disse: "Continue orando para que Deus intervenha e restaure a liberdade da Igreja na Eritreia".
Pedidos de oração
- Agradeça a Deus pela vida de irmãos como Jorge que todos os anos visitam cristãos perseguidos para fortalecê-los.
- Louve ao Senhor pela vida de Paulo que mesmo em meio à prisão e torturas não negou a fé.
- Interceda por milhares de cristãos que estão presos, são torturados e marginalizados na Eritreia por causa de sua fé em Cristo. 
*Os nomes verdadeiros foram alterados por motivos de segurança
Fonte: Portas Abertas
Postar um comentário

vídeos gospel de Pres. Médici-MA

Loading...