terça-feira, 18 de dezembro de 2012

Vietnã adota ´estilo chinês` de restringir liberdade religiosa




Vietnã adota ´estilo chinês` de restringir liberdade religiosa
 O Vietnã ocupa hoje a 19ª posição na Classificação de países por perseguição da Portas Abertas. A substituição de uma lei de 1995 pode aumentar a perseguição que os cristãos enfrentam no país.
O Vietnã tem sido considerado pelo Departamento de Estado dos EUA como um "país de preocupação especial" por conta da repressão à liberdade religiosa. E um novo decreto de 1º de janeiro pode reforçar isso.
O Decreto 92 tem o objetivo de restringir severamente a liberdade de culto no Vietnã, colocando em prática "procedimentos pelos quais as organizações religiosas deverão registrar suas atividades, lugares de culto e clérigos para poder operar abertamente ou para solicitar um reconhecimento oficial". O decreto vai continuar proibindo
igrejas cristãs que operam “fora da lei”. Organizações religiosas tentarão intervir nesse caso representando 11 diferentes religiões, incluindo budistas, católicos, protestantes e tradicionais.
Líderes da Igreja e de várias religiões estão se manifestando contra o novo decreto, que substitui uma lei anterior aprovada em 1995. O chefe da Igreja Budista Unificada do Vietnã (uma organização não reconhecida) diz que a nova lei permitirá que o governo restrinja os cultos religiosos mais severamente do que antes.
Da mesma forma, cristãos de Hanoi disseram à agência de notícias Asia News que a decisão do Vietnã de modelar suas políticas religiosas ao exemplo chinês é "draconiana" e "atrasada".
Ativistas de todo o país têm trabalhado para acabar com a “terrível” perseguição religiosa, inclusive contra cristãos tribais.
 
 
Fonte: Portas Abertas

Postar um comentário

vídeos gospel de Pres. Médici-MA

Loading...